Em qualquer ramo de atuação, o bom atendimento é essencial para o sucesso do negócio. No ramo magistral, isso não é diferente. Portanto, o atendimento em farmácia pode ser o fator decisivo para a conquista de clientes.

Com a competitividade do mercado, a qualidade do serviço está diretamente ligada ao atendimento. Dessa forma, proporcionar uma boa experiência ao cliente é tão importante quanto entregar fórmulas de qualidade.

Certamente, isso pode ser o diferencial no momento de decisão de compra, além da possibilidade de o seu estabelecimento ser indicado a outras pessoas. Inegavelmente, proporcionar uma boa experiência de compra pode fidelizar clientes, além de conquistar novos. Continue a leitura e conheça os principais erros no atendimento.

Erros no atendimento em farmácia

O cuidado com o atendimento ao cliente é essencial e muitas pessoas cometem erros nesse momento. Veja aqui os mais comuns!

1. Não dar a atenção necessária ao cliente

Esse é um dos erros mais graves no atendimento, que pode ser facilmente notado pelo cliente. Principalmente na farmácia, é importante orientar com clareza o consumidor para que não haja erros no tratamento prescrito. Dessa forma, a atenção com o cliente é essencial para suprir suas necessidades e realizar um bom atendimento. Portanto, o cuidado com a postura, com a gentileza, humor e clareza nas informações é essencial no atendimento.

2. Não prestar atenção no receituário

Outro erro no atendimento em farmácia é não prestar a devida atenção no receituário. Sobretudo, é preciso ter muito cuidado para entregar a medicação correta e dar as instruções adequadas para cada uma delas. Quando a receita estiver confusa ou ilegível, o atendente não deve fazer a venda antes de consultar o prescritor. Deve-se atentar também sobre dosagem, princípio ativo, prazo de validade e outras características dos medicamentos antes da venda.

3. Forçar uma venda desnecessária

Por mais que a venda seja um objetivo, não pode ser forçada. Principalmente se o produto não atende às necessidades do cliente. Isso deixa claro ao cliente que o vendedor está focado somente na venda, e não em orientar sobre seu tratamento. Então, é necessário entender o problema, perfil de compra e comportamento do cliente para realizar sugestões. E, mesmo assim, respeitar o momento e a decisão do consumidor.

4. Não realizar a pós-venda

A maior parte dos clientes fidelizados podem ser perdidos se não houver uma pós-venda efetiva. Não adianta nada se esforçar para efetivar a venda e se manter omisso quando o cliente tem alguma reclamação ou problema. Mesmo que o cliente esteja errado e se exalte, o atendimento deve ser feito de maneira calma e paciente. Além disso, entender o problema e se esforçar para chegar a uma solução demonstra o interesse além da venda. Outra forma de realizar a pós-venda é pedir o feedback do cliente após o uso do produto, ou sobre o atendimento.

5. Atendimento demorado

Um dos piores erros no atendimento em farmácia é deixar o cliente esperando para ser atendido. Muitas vezes o consumidor desiste de tirar uma dúvida ou pedir um produto por conta da espera. É necessário se atentar sempre ao movimento, para realizar os atendimentos de forma efetiva e prática. Caso esteja realizando alguma atividade administrativa, o atendimento ao cliente deve ser prioridade.

Certamente, ao evitar esses erros e procurando sempre alternativas para bem atender, você conseguirá agradar seus clientes.

Complemente sua leitura com o artigo: Desafios enfrentados pela gestão de farmácia de manipulação.

Referências: Farmarcas, Estadão e enContact.